Franchising e Oportunidades - Consultoria Franchising

UNU

Franchising Imobiliária

Urban Obras

Franchising em Obras e
Remodelações

House Shine

Franchising em Limpezas Domésticas

ALLCAN

Franchising de Coaching & Training

Guard Clean

Franchising para Técnicos em Limpeza

Branquia

Franchising de Limpeza Comercial

UNU

Franchising em Imobiliária

House Shine

Franchising em Limpezas Domésticas

3 tópicos que não podem faltar no seu Plano de negócios

Elaborar o plano de negócios é uma etapa delicada na criação do próprio negócio, mas é também uma das mais importantes, pois dá corpo à ideia de negócio do empreendedor.

O plano de negócios é uma ferramenta estratégica de previsão do projeto empresarial e traduz-se num documento. O empreendedor deve utilizá-lo para planear e comunicar com parceiros e financiadores.

Um dos erros mais comuns que um novo empreendedor pode cometer é ignorar a elaboração de um plano de negócios. Para muitos não passa de um papel com termos complicados, que é feito para em seguida ser guardado numa gaveta e rapidamente esquecido.

No entanto, esta ferramenta é a responsável por fazer toda a magia acontecer, pois um plano de negócios quando elaborado corretamente é capaz de mostrar toda a viabilidade e estratégias do seu empreendimento.

O plano de negócios vai-lhe dar informações do ponto de vista estrutural, administrativo, estratégico, mercadológico, técnico, operacional e financeiro. Ou seja: tudo o que o empreendedor precisa saber para tirar a sua ideia de negócio do papel e abrir as portas a um negócio de sucesso.

Apesar da sua elaboração poder ser feita em poucos passos, conforme já lhe mostramos anteriormente, é fundamental que o seu plano de negócios contenha algumas informações estratégicas.

Saiba quais são:

  1. Ações de marketing

A análise de mercado e do ambiente externo do seu próprio negócio são fulcrais para o sucesso de um negócio próprio. E aqui, o empreendedor deve descrever quais as estratégias de venda que serão utilizadas na promoção do seu próprio negócio; quais as ações de marketing adequadas para o seu próprio negócio; qual é a política de preços a praticar; quais as projeções de vendas (em cenários pessimista, realista e otimista).

  1. Análise SWOT ao negócio

A análise SWOT do seu próprio negócio é um ponto obrigatório em qualquer plano de negócios. Quais os pontos fortes, os fracos, as ameaças e as oportunidades do negócio? Os pontos fortes e fracos estão relacionados com as características internas da empresa.

As ameaças e oportunidades devem ser examinadas no mercado. Ou seja, refere-se a tudo aquilo que é externo e que pode afetar o seu próprio negócio de forma positiva ou negativa.

  1. Trace um plano financeiro

O plano de negócios do seu próprio negócio deve incluir obrigatoriamente as previsões financeiras. É necessário apresentar o balanço inicial, uma previsão do balanço ao fim dos primeiros três anos; contas; plano de financiamento e de tesouraria.

No entanto, o plano de negócios é muito mais do que isto. Perfil do cliente, características do mercado, necessidades operacionais, estratégia de precificação e o comportamento dos concorrentes são outros dados que devem estar presentes e que fazem com que a sua importância seja diretamente proporcional ao risco que o empreendedor assume ao criar o próprio negócio.

No início, o grau de incerteza é muito alto. O plano de negócios força o empreendedor a procurar estas informações, consolidá-las e ver como uma decisão pode afetar o seu próprio negócio como um todo.

Descubra a oportunidade que mais se adequa a si.
Fale connosco!

Peça hoje mais informações!

Nome*
Email*
Franchising de Interesse
Telefone*
Localidade*